O que saber antes de escolher um seguro de carro

Veja neste conteúdo alguns pontos importantes que você deve considerar antes de adquirir uma apólice de seguro.

Se você comprou um veículo e não quer correr o risco de perder o dinheiro que investiu na compra por causa de um eventual furto ou acidente, por exemplo, é hora de pensar na contratação de um seguro. Porém, antes disso, é fundamental que você se informe bem sobre o assunto. Leia a seguir, alguns dos pontos importantes que você precisa saber antes de fazer um seguro para o seu carro.

1- Avalie suas reais necessidades

A primeira coisa que você deve fazer é analisar as reais necessidades de proteção do seu veículo. Caso você utilize ele diariamente, por exemplo, é melhor optar por uma cobertura mais completa. Mas, se o seu veículo é antigo e passa mais tempo na garagem do que rodando, a indicação seria uma cobertura contra furto ou roubo, que tem custo menor. Desta forma, você pagará pelo que realmente precisa!

2- Conheça as opções

Basicamente, há 4 tipos de coberturas:

  • Seguro de roubo e furto: protege seu veículo somente nos casos de roubo o furto do veículo.
  • Seguro compreensivo: por ser uma cobertura mais completa, é ideal para veículos que são usados no dia a dia e, por isso, sofrem mais riscos.
  • Seguro para passageiros: oferece cobertura para danos pessoais, físicos ou morais ocorridos pelos passageiros do automóvel.
  • Seguro para terceiros: cobre danos causados a outras pessoas que se envolveram em caso de sinistro junto com o segurado.

3- Analise as coberturas oferecidas

Além dos 4 tipos de coberturas citados acima, há outras opções de seguros adicionais, como, por exemplo, cobertura para lanternas e vidros, para o kit gás.  As opções são diversas e você deve conhecer cada uma delas para saber qual melhor atende suas necessidades.

4- Assistência 24 horas deve ser considerada

A maioria das empresas de seguro disponibilizam o serviço de assistência 24 horas, para serviços como guincho, problemas mecânicos ou elétricos, carro reserva etc.

5- Entenda como é calculado o valor do seguro

Para calcular o preço de um seguro são consideradas informações do condutor, como idade, sexo, estado civil e se tem filhos, o modelo e ano de fabricação do carro, inclusão de motoristas adicionais, tipo de cobertura e de franquia escolhidas.

6- Entenda o que é a franquia

É chamado de franquia o valor pago pelo segurado nos casos de acionamento do seguro para atendimento a um sinistro parcial. Por exemplo: se sua franquia for de mil reais e o conserto do carro custar R$ 4 mil, você pagará R$ 1.000 e os R$ 3.000 restantes serão pagos pela seguradora.

Porém, em casos de roubo ou furto, na solicitação de serviços da assistência 24 horas ou no requerimento do seguro de terceiros, assim como no caso de sinistro integral, a franquia do seguro não é cobrada.

7- O que é e como é calculada a indenização integral

A indenização integral é paga em dois casos: quando há perda total do veículo ou quando ele é furtado ou roubado e não é recuperado. O valor deste tipo de indenização possibilita a compra de um novo veículo.

Como base para o cálculo deste tipo de indenização é utilizada a Tabela da Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas (Fipe), que informa os preços médios atualizados dos veículos no mercado brasileiro, ou então um valor pré-definido.

Desta forma, o segurado pode optar pelo percentual da tabela Fipe que 

prefere para pagamento da indenização integral. O valor pode ser menor (barateando o seguro), igual ou acima de 100% (o que encarece o seguro).

Ao pagar a indenização, é levada em conta a depreciação do veículo, por isso, se você fizer o seguro de um veículo zero quilômetro e ele sofrer perda total 12 meses depois, com o pagamento ocorrendo um mês após o acidente, o valor da Tabela Fipe será inferior ao preço do automóvel quando era zero quilômetro.

Por exemplo: imagine que você tenha comprado um veículo novo por R$ 30 mil e contratou cobertura de 100% do valor da Tabela Fipe. Se algum tempo depois, o seu carro, que já terá sido usado, sofrer perda total, o valor da indenização terá como base o preço da Tabela Fipe do mês para o modelo e ano do seu carro. Supondo que o valor seja R$ 25 mil, será esta a quantia que você irá receber.
Se você está pensando em fazer um seguro para o seu carro, procure uma corretora conhecida no mercado. A Marisa Dilda atua em todo o território nacional e conta com profissionais qualificados com mais de 20 anos de experiência. Solicite uma cotação on-line ou entre em contato para esclarecer todas as suas dúvidas!

Receba Dicas Sobre Seguros

Deixe um comentário

O seu email não será publicado. Os campos obrigatórios são identificados.
Todos os comentários do site são moderados previamente. Se o seu comentário ainda não foi publicado, por favor, aguarde.